Staples
Vodafone
FNAC
LVMH
Womens secret
Mercadona
Fleury
Fast Shop
Leroy Merlin
Cortefiel
SONAE
Hospital Pequeno Príncipe
Pandora
MSC
Dia
Springfield
Sheraton
Unilabs
Unidade Local de Saúde de Matosinhos
Notredame Intermédica
Pró-Saúde
Hospital de Santa Maria
Rede Ímpar
Unimed Fortaleza
Luz Saúde
Pulido Valente
Centro Hospitalar de São João
Hospital LeForte
Hospital Platô
AC Camargo
Garcia da Orta
Hospital 9 de Julho
A.R.S. Lisboa e Vale do Tejo
Sabará Hospital Infantil
Santa Casa de Misericórdia da Bahia
Hospital IGESP
Staples
Staples
Vodafone
Vodafone
Estapar
Estapar
LVMH
LVMH
Womens secret
Womens secret
Pandora
Pandora
Springfield
Springfield
Fast Shop
Fast Shop
Worten
Worten
WestSea
WestSea
Wells
Wells
Vitaminas
Vitaminas
Villa Termal das Caldas de Monchique
Villa Termal das Caldas de Monchique
Via Porto
Via Porto
Veolia
Veolia

SISQUAL WFM tem uma nova liderança no Brasil

SISQUAL WFM tem uma nova liderança no Brasil

SISQUAL WFM está no Brasil há mais de uma década e conta com mais de 350 mil usuários da solução em todo o país. O próximo passo é a consolidação da marca “mostrando ao mercado as vantagens competitivas de nossa ferramenta”, assegura o novo CEO da SISQUAL WFM no Brasil, Eduardo Dias Jorge.

A SISQUAL WFM foi premiada, nos últimos anos, como a “Marca mais lembrada para a tomada de decisões” no setor de saúde no Brasil, sendo também reconhecida como uma das principais empresas do mundo dedicadas ao desenvolvimento de soluções de software de Workforce Management (WFM).
O novo CEO da SISQUAL WFM, Eduardo Dias Jorge, enfrenta este novo desafio com “otimismo”, aproveitando a oportunidade para reforçar a estratégia de crescimento para o mercado local.
“A SISQUAL tem agora um produto totalmente adaptado ao mercado brasileiro. Nossos clientes reconhecem a SISQUAL WFM como um produto robusto e de qualidade, com excelência no serviço de suporte”, acrescenta ele.
Assim, o objetivo estratégico para o Brasil consiste em aumentar o conhecimento da marca SISQUAL WFM, mostrando ao mercado as vantagens competitivas da ferramenta: o aumento da produtividade através da gestão da força de trabalho operacional – melhorando a qualidade de vida de seus colaboradores; definir turnos que permitam reduzir despesas com salários e redução com horas extras.

Mais produtividade, a um custo menor

Com mais de 20 anos de experiência em gestão de varejo, Eduardo Dias Jorge, revela que seu principal objetivo para a marca no Brasil, é trazer ao mercado uma ferramenta, como a SISQUAL WFM, que permite às empresas “identificar o número correto de colaboradores que são necessários (“pessoa certa, no lugar certo no momento certo”) para realizar um determinado tipo de trabalho”. Isto é possível através do forecast do fluxo de clientes, vendas e transações para manter níveis mínimos de serviço, garantindo ao mesmo tempo a máxima produtividade com o menor custo possível e em conformidade com a legislação trabalhista.
Entre as várias vantagens do SISQUAL WFM, seu objetivo é eliminar processos manuais e burocráticos nos departamentos de RH e gestão de pessoas, minimizando assim possíveis erros de cálculo nas folhas de pagamento.

A pandemia impulsiona o uso da ferramenta

Como conseqüência da pandemia, a ferramenta de software SISQUAL WFM se tornará uma plataforma “quase obrigatória” na retomada da produtividade e gestão da força de trabalho, diz Eduardo Dias Jorge.
Embora a SISQUAL WFM seja transversal a quase todas as verticais do mercado, foi no setor de saúde, e atualmente no varejo, que a empresa teve o maior crescimento no Brasil. Neste momento, a SISQUAL WFM já é claramente líder no mercado de WFM no Brasil, com mais de 300 hospitais e mais de 350.000 funcionários cobertos pela solução.
Além da crise, a pandemia trouxe outras oportunidades em novos segmentos do mercado, como logística e transportes, e “uma das metas mais importantes para os próximos 5 anos consiste em dar expressão a esta transversalidade da SISQUAL WFM no mercado brasileiro”, diz o novo CEO da SISQUAL WFM no Brasil.
A empresa também previu a abertura de 5 novos escritórios nos estados de Minas Gerais, Pernambuco, Goiás, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, seguindo o objetivo de expansão para o mercado brasileiro.